[FECHAR]

13/01/2008

# Ida aos correios

A saga do registro módico

Logo que comecei a fuçar as comunidades do orkut sobre romances vi um tópico que falava de Registro Módico...

http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=390082&tid=
2456872141153917642&kw=registro+m%C3%B3dico



Mas como nunca tinha mandado livros pelo Correio... acabei esquecendo... mas no final do ano passado quando comecei a fazer as trocas pelo Correio... lembrei-me disso.

De acordo com o site dos Correios Registro Módico:

Poderá ser utilizado junto às postagens de Carta (Comercial e Não Comercial), Impresso (Normal e Especial) e Mala Direta Postal, somente em âmbito nacional, para os seguintes objetos:

a) Livros em geral, postados por qualquer pessoa física ou jurídica;

b) Materiais didáticos, impressos ou gravados em CD ou DVD, desde que postados por escolas de ensino por correspondência e destinados aos seus alunos.


O registro módico é uma modalidade dos Correios, mas quase ninguém sabe... por falta de divulgação... afinal o preço do registro módico (R$1,30) é a metade do preço do registro nacional (R$2,60). A postagem fica da seguinte forma: o preço do porte simples + R$1,30.


Então resolvi postar... segundo amiga Flávia nem todas as agências fazem esse tipo de procedimento. Mas resolvi tentar numa perto do meu trabalho... após telefonemas eu consegui.

O engraçado foi eu chegar na agência para postar e é isso que conto agora.

Caroline: Boa tarde, gostaria de postar estas correspondências em registro módico.
Atendente 1: Ah! Carta registrada?
Caroline: Não. Re-gis-tro mó-di-co
Eis que a outra atendente fala...
Atendente 2: Ah! Foi a senhora quem ligou mais cedo?
Caroline: Isso mesmo!

A segunda atendente se dirige a uma porta que dá acesso a outra sala e diz: "É a moça do registro módico". Dentro da sala ouço a segunda pessoa falar para uma terceira "É a moça do registro módico!"
Gente! Brincadeira... me senti cometendo um crime! Só não foi pior porque só tinha eu na agência (hahahahahaha).

Mas depois de toda essa conversação finalmente postei minhas correspondências e ao invés de gastar R$10, gastei R$6! E detalhe, ainda veio meu nome no recibo do Correio. Me senti marcada hahahahaha. Pensei. Agora pronto... vão me fichar!

Por isso sempre procuro me utilizar do registro módico. Dizem que só agências fazem, mas essas que conto na história foram postadas numa agência franqueada. Então é bom as amigas se informarem com o atendimento dos Correios.

10 comentários:

  1. Oiee.. Queria agradecer a minha amiga Carol sobre essa informção. Hoje fui no correio e falei please quero postar estas correspondências em registro módico.
    Nossa a FDP da mulher só faltou me bater ... perguntei se ela sabia de outra agência ela falou q ñ. Fui em outra aconteceu a mesma coisa. Resolvir passar em outra agência encontrei um senhor simpático q falou q ñ conhecia + ia pesquisar no sistema. Ele encontrou e ainda me agradeceu me fez varios elogios ( pena q era um Senhor kkkk ).
    + enfim a saga terminou ... conseguir postar minhas correspondências em REGISTRO MÓDICOS hahaha
    PS: Só que ele corta a ponta do envelope pra ver se tem livros mesmo. Donaaaaaaa Caroool meu nome ñ estava no recibo ñ buábuá...

    ResponderExcluir
  2. Olá Carol e Flavinha,
    Muito legal vcs esclarecerem essa história de registro módico, porque alguns funcionários do próprio Correio, dizem não saber do funcionamento desse tipo de registro...
    Como trabalho com um sebo virtual, agora se alguém me pedir um livro por registro módico, poderei atender melhor minha clientela.
    Outra coisa importante a ser dita é que vc paga R$1,30 pelo registro + o peso do livro.

    O novo visual está o máximo!
    Vcs não são fáceis...Que moreno é esse???

    Estou construindo um site e vou linkar o blog de vcs, viu? Já falei até com a flavinha pelo MSN.

    Então lindas....
    Bjkas
    Continuem assim...
    Flavita

    ResponderExcluir
  3. Valeu Flavita!

    Line Maria querida... tem que insistir mesmo... sua história é de uma pessoa que persevera.
    Bjo Grande pra ti

    ResponderExcluir
  4. Eu tb já mandei por registro módico, mas uma vez tive uma surpresa. Mandei 3 livros e passou de 400 grs. A atendente disse que passou do limite, não podia ser enviado por registro módico. Vcs sabem algo sobre isso?
    Fiquei passada e me senti lesada...Mas o que podia fazer, mandei por pAc e paguei muito mais caro. Fiquei no preju literalmente!

    Bjs

    Lili

    ResponderExcluir
  5. Visitem meu blog... http://suncheiser-contos.blogspot.com/

    la podem lê historias romanticas escrita por mim, e assim podem da vossa opinião.

    obrigado

    ResponderExcluir
  6. Eu trabalho nos correios e não sabia dessa modalidade. Que bom que agora sei e vou divulgar.

    ResponderExcluir
  7. Pode passar de 500g com certeza! Só terá um valor diferente, apenas isso. Mas não há limitação de peso:

    http://www.correios.com.br/servicos/precos_tarifas/nacionais/tar_impresso.normal.cfm

    ResponderExcluir
  8. Adorei como vocês explicaram.
    Muito bom.
    Bjs
    http://lendodobrelivros.blogspot.com
    @Um_Sonho_A_Mais

    ResponderExcluir
  9. rs...eh verdade descobri o registro módico a alguns meses para o envio dos livros dos sorteios e realmente o valor vale a pena.
    algumas agências desconhecem o procedimento mas batam o pé...exigam...é um direito a nosso favor que temos que fazer valer...depois do valor o que gosto mais é que podemos (tanto quem sorteio quanto quem ganhou) acompanhar a entrega.
    seria interessante fazer a campanha #registromódico.
    bjs.

    ResponderExcluir
  10. Olá meninas, Tenho usado o envio módico para pacotes com mais de 500gr contendo livros, e carta registrada para menos de 500gr. E descobri essas modalidades nos correios. Sou escritora, lancei meu livro mes passado, e estou enviando 1 livro a R$5,25 para qq parte do pais, e pacotes com 10 livros (1690gr) para minha irmã no Rio vender livros para mim por R$11,90. Tem dado certo sim. Amanhã mesmo irei enviar mais livros para maninha nesta modalidade. Assim o custo de envio não fica caro e vou vendendo meu livro :)
    bjs, Elianete

    ResponderExcluir

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM