13/10/2009

# Jessica Hart # Leituras de Flavinha

O pretendente Ideal - Jéssica Hart - Sabrina - 130



Leituras de Flavinha Nº 110
O pretendente Ideal (The Honeymoon Prize)




Uma incrível corrida para o altar!

Ivone está determinada a dar um rumo na sua vida antes de completar trinta anos... nem que seja apenas para provar ao seu melhor amigo, Max Thorton, que é perfeitamente capaz de encontrar um bom partido para se casar! Ao contrário do que Ivone esperava, Max não está dando muita importância ao assunto... Afinal conhece Ivone muito bem e sabe que ela é uma mulher muito impulsiva. Mas quando ela anuncia que irá forjar o próprio casamento para ganhar um prêmio de lua-de-mel, Max se surpreende... principalmente quando descobre quem, de fato, Ivone pretende levar ao altar com ela!


Pois bem, apesar de ter gostado deste livro, ele nem se compara ao último livro que li da Jéssica Hart e que você pode ver a resenha AQUI.
Pois bem, a Ivone é uma louca, que só faz "merda". Um dia enche a cara e dorme com o Max (irmão de sua melhor amiga). Quando acorda, diz que aquilo não significou nada e tals.
Então, ela é despejada e não tem dinheiro para pagar o aluguel de algum lugar decente e vai morar de favor no apartamento do Max, que está na Africa.
Max é todo certinho e Ivone desleixada e sem noção. Ela não tem dinheiro nem pra comer, mas dá uma festa de aniversário só pra que o carinha que ela paquera vá na festa. Então o Max chega bem na hora da festa e encontra a casa uma zona só.
Bem, a Loka descobre que o pretendente vai para Africa e resolve ir pra lá. Como não tem um tostão furado, ela se inscreve num concurso que vai sortear uma lua-de-mel, no local que a pessoa quiser. Ela não é noiva, nem conhece o cara direito, mas... Se inscreve no concurso! E quando perguntam o nome do noivo ela diz... Max!
Ah, Pára ô!
O Max á um santo pra aturar essa mala!
Pois bem, a "mala" sai para encontrar o pretendente, antes de ele ir pra Africa, e o cara larga ela na rua, sozinha e sem dinheiro... Quem vai resgatar a retardada perdida, quem, quem? Max, claro!
E o coitado só descobre que é "noivo" da anta por acaso, ao encontrar a pessoa que vai dar o prêmio na sua sala!
Gente, eles viajam juntos e a anta e ele se acertam... Vou dizer uma coisa... Eles se merecem!
Aff!
Se alguém quiser ler, fique à vontade... Só não diga que eu não avisei!

2 comentários:

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM