07/03/2011

8

Hannah Howell – A bela a e fera – Clássicos Históricos Especial 306

 
Leituras de Carol nº 510

Título original: Beauty and the Beast


Inglaterra, Século XVI

Por trás das aparências...
Às vésperas de seu casamento, Gytha Raouille, uma jovem de rara beleza, descobre que o noivo está morto. E agora ela deve se casar com o novo herdeiro das terras de Saitun, um cavaleiro endurecido por muitas batalhas, conhecido como Diabo Vermelho... Com o rosto marcado por cicatrizes e o coração ferido por uma grande desilusão, a última coisa que Thayer Saitun deseja é uma esposa. Porém, nem mesmo o Diabo Vermelho consegue romper o compromisso assumido por seu pai adotivo anos atrás. Assim, ele se vê unido a uma mulher linda e inocente. Mas seria a doce Gytha capaz de enxergar além das aparências e descobrir os sentimentos profundos que ele guarda na alma?

Quem diria que um guerreiro das Terras Altas fosse tão preocupado com a aparência hein?! (risos).
Para Thayer, ser grande, musculoso, ruivo, ter sardas, além das cicatrizes é um defeito (desculpe meu caro, mas tenho que discordar).

Além de mim e boa parte das leitoras, Gytha também discorda dessa opinião. Ela consegue enxergar além das cicatrizes, tem consciência que o corpo (e que corpo!) embaixo delas é fantástico e a personalidade idem.

Se a história fosse na contemporaneidade tenho certeza que Gytha mandaria Thayer procurar um psicólogo! Vamos ter auto estima em baixa, mas não nesse ponto. A sorte dele é que Gytha é paciente e passa por poucas e boas para convencê-lo de que o ama.
No meio disso tudo um vilão que quer matá-lo e uma ex-amante que apronta todas e mais algumas.
O mocinho turrão e a mocinha endiabrada, características natas dos personagens da Hannah Howell estão presentes nessa história fazendo a leitura muito divertida.

8 comentários:

  1. Não sou muito fã de livros de banca, mas pelo que vi, este parece ser uma boa opção.
    Talvez eu leia. ;)

    Beijinhos,

    (Ei tem promo lá no blog! Participa, vai?!?)

    ResponderExcluir
  2. Carol, concondo com você o Thayer é complexado com a aparência. E o pior, é que só, ele se preocupa com isso, a Gytha vê além da aparência. Mas é divertido ver os dois teimosos em ação.

    Bjs
    Marilena

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho esse livro e sou apaixonada por ele, e por todos q tem como tema a bela e a fera.
    http://jocastanana.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Eu li esse livro ano passado, e me apaixonei pelo casal... Adorei a resenha. Beijos

    Blog Felicidade nos livros

    ResponderExcluir
  5. Olá, Carol!
    Já li esse livrinho! E adorei, apesar de concordar com você sobre a baixa auto estima de Thayer!
    Li e resenhei Bodas de Fogo, da Deborah Simmons para a maratona... Já leu?
    Bjinhos,
    Náh

    ResponderExcluir
  6. heheh eu li esse ja faz um tempinho, e na época pensei a mesma coisa sobre a baixa auto-estima dele, chega a ser cansativa rsrs

    ResponderExcluir
  7. Lembro que quando li esse livro tive vontade de dar uma chacoalhada em Thayer! :D

    Mas sem dúvida, é uma leitura divertida!


    Bjos!

    Thaís Gisele

    ~Sweet-Lemmon
    http://umaconversasobrelivros.blogspot.com//

    ResponderExcluir
  8. Bom, oficialmente não gosto de romances que se passam antes de 1800 e de forma alguma de romances que puxam para o drama, mas, às vezes vale a pena arriscar :-)
    Bj, Aris.

    ResponderExcluir