[FECHAR]

01/08/2011

# Intrínseca # Leituras de Carol

Pitaccus Lore – Eu sou o número quatro - Intrínseca


Leituras de Carol nº561

Título original: I am number four



E essa é mais uma incursão do Mulheres Românticas no mundo dos Young Adult. Esse livro foi recomendado e emprestado pela Solange, do blog da Sô. Ela fez muita propaganda, fiquei curiosa e pedi emprestado na “cara dura”, Sol não se fez de rogada e emprestou-me o livro.

Gente! Posso dizer que tive sorte, até agora só li livro bom desse estilo.



Eu sou o número quatro tem de tudo um pouco, romance, aventura, conflitos adolescentes, uma pitada de consciência para um desenvolvimento sustentável e personagens convincentes. Henri, Sam, Bernie Kosar (o cão) encantam os leitores. Claro que Pittacus Lore  também deixa MUITAS perguntas sem resposta. Porque não sabemos logo o que tem na carta? E agora será que ele vai encontrar os outros?



Isso sem falar no próprio mistério que ronda o livro, afinal quem é Pittacus Lore? Ele é citado no livro como um dos anciãos de Lorien. No site I Am Number For Fans  há uma carta do autor para os terráqueos explicando um pouco de tudo.



AO POVO DA TERRA:

Há mistérios na história humana para os quais não há explicação aparente. Há saltos inexplicáveis ​​no desenvolvimento da tecnologia humana. Ninguém pode explicar coisas como a cidade perdida de Atlântida, o monstro de Loch Ness, o Triângulo das Bermudas, e, claro, os círculos nas plantações e os OVNIs. A explicação para estes, e muitos outros mistérios da Terra, é que os extraterrestres têm visitado seu planeta, e influenciando eventos, durante o tempo que o planeta tenha existido.

Eu sou Pittacus Lore. Eu sou do planeta Lorien, há 300 mil milhas de distância. Eu sou um dos dez anciãos que viveram em nosso planeta. Eu tenho 10 mil anos de idade. Todos em Lorien são dotados de poderes. Somos incrivelmente fortes, rápidas, e nós nascemos com poderes chamados de legados. E apesar dos seus grandes poderes, os anciãos não foram capazes de defender Lorien, nosso planeta sucumbiu.


Lorien foi destruída. Nossa população inteira foi morta, com exceção de nove filhos e dos seus nove guardiões. Os nove fugiram para a terra, onde esperávamos que eles seriam capazes de se esconder e crescer, para desenvolver os seus legados e um dia vingar a perda de Lorien. Infelizmente, a mesma raça que destruiu Lorien seguiu para a Terra. Eles foram caçar as crianças e mataram três deles. Os seis que ainda estão vivos começaram a lutar. Nossa guerra chegou a seu planeta, e é aqui onde ela pode ser perdida ou ganha..

Eu estou contando a história de Lorien, os nove, e a guerra nas mãos de vocês, assim espero que vocês não permitam que aconteçam com vocês a mesma coisa que aconteceu conosco. Estou tentando encontrar os nove e uni-los. Eles podem estar passando por você agora, ou sentado perto de você, ou te observando enquanto você lê este texto. Eles podem estar em sua cidade. Se eles estão fazendo o que eles deveriam estar fazendo, eles estão vivendo anonimamente, treinando e esperando o dia em que eles vão encontrar um ao outro, e eu, e eles faremos nossa última batalha  juntos.

E já está em pré-venda nos Estados Unidos “The Power of Six” que contará a história do número sete. 


O filme!

Resolvi assistir ao filme depois de ter lido o livro. Minha nossa, deveria ter feito ao contrário!

Não sou daquele tipo de fã que espera que tudo o que foi dito no livro seja retratado em filme, entendo as mudanças no roteiro, afinal temos suportes diferentes (papel, filme), mas em Eu Sou o Número Quatro o roteiro descaracterizou foi tudo. O que está no terço final do livro aparece logo no começo e a forma como a história foi apresentada na tela do cinema não ficou legal.

Soubesse eu... teria visto o filme primeiro e lido o livro depois, pois com certeza seria mais divertido.

6 comentários:

  1. Eu adorei o filme, + isso pq não li o livro.
    Agora vou ter que ler, já que é tão diferente assim.

    Quem nem P.S. I love You. Adorei o livro, quando vi o filme fiquei decepcionada, afff, mudaram várias coisas. Já quem só viu o filme adorou, tb não tinha com o que comparar.

    ResponderExcluir
  2. Oi Carol!
    Eu adorei o livro. Estou curiosa com o filme, mas vc me desanimou um pouco.
    Já vi que vou me irritar.rsrrs
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oie Carol!
    Eu gostei bastante do livro, mas eu continuo fugindo do filme!
    Ainda estou com trauma do que fizeram com "Percy Jackson" e estou fugindo de adaptações... Oo

    ResponderExcluir
  4. Hérida e Bárbara
    Vejam e depois trocamos figurinhas hahaha

    Nat
    Agora você vai ter que ler o livro hahahaha

    ResponderExcluir
  5. Eu sempre prefiro ler primeiro o livro, mas neste caso, ainda não li nenhum. Bjs, rose.

    ResponderExcluir
  6. Não li o livro ainda e não assisti o filme, gosto de ler primeiro, mas fiquei tão curiosa em assistir o filme...
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM