[FECHAR]

09/04/2012

# Fiona Harper # Harlequin

Fiona Harper - Novo Despertar - Harlequin Special 27






Photobucket
E para abrir essa semana dedicada aos romances Harlequin Brasil. Uma história fofa e emocionante.


Leituras de Carol nº 629 


Título original: Housekeeper's Happy-ever-after

Ellie Bond sofria desde que perdera o marido e a dilha em um trágico acidente. No entando, ela precisava reconstruir sua vida, e o primeiro passo foi responder a um anúncio de vaga para governanta. Mark Wilder, seu novo chefe, é um excêntrico executivo do mundo da música. Ele tem estilo, riqueza e poder, mas é a compaixão por trás de sua fachada pública que o torna capaz de despertar nela o desejo de viver novamente.



Esse é um daqueles livros que a princípio você não dá nada por ele, resolve ler porque ele "olhou para você com cara de pidão". Mais uma vez admito que comprei-o pela capa. Muito lindo esse casal aí, nessa praia tudo de bom. Mas a capa paradisíaca é só o começo de  uma boa história.

Ellie perdeu o marido e a filha, mas não "só" isso, uma lesão cerebral a fez perder a memória e a capacidade de fazer coisas simples.


Ela agora está  se recuperando e luta por uma oportunidade de se reeguer. Talvez isso se efetive com o emprego de governanta na casa de Mark Wilder.


Mark a princípio parece aqueles mocinhos arrogantes e tal... mas no decorrer da trama ele descobre que a sua governanta "meio aérea" é uma pessoa forte, que faz despertar sentimentos que há tempos ele achava não tinha direito de sentir.


Um trecho de livro onde a coragem e a força de Ellie o espanta mais uma vez é um tapa na cara e alguns mocinhos que vemos por aí.

Como Ellie conseguia agir assim? Como conseguia pensar nos outros com tanta facilidade? Tinha todo o direito de passar o dia afastada do mundo, refletindo por quanto tempo quisesse. Ellie tinha perdido parte de sua vida para um nevoeiro que o seu cérebro havia criado. Como deveria se sentir por não ter sido capaz de comparecer aos funerais? Como deveria se sentir por nunca ter conseguido dar um final a tudo isso? Parte dela deveria ansiar para se lembrar de alguma coisa daqueles dias.
Em contraste, ele era um covarde. Ele tinha escolhido esquecer de Helena, esquecer sobre amor e compromisso. E isso não o havia ajudado a se curar. Apenas contribuiu para que ele se sentisse mais superficial e menos corajoso.

Pag 153

O romance entre os dois vai seguindo de forma bem fofinha, sem muitos sobressaltos e apesar de gostar de histórias onde mais coisas acontecem, esse realmente me enterneceu.


Recomendo.



Direto do Túnel do Tempo

Quer ver quais outros livros já resenhamos da série Harlequin Special? Clica AQUI 

2 comentários:

  1. Oie!
    "Não julgue um livro pela capa", para mim seguir esse conselho é impossivel,compro varios livros por causa da capa e ate hoje nao me decepcionei (graças a Deus). Já pela capa eu compraria esse e pela sua resenha o livro parece ser bem legal. Amo os Romances Harlequin.
    Beijos

    @NinaHenker
    http://fleurdylis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Caroline!

    Só pela capa, já me deu vontade de ler.. depois de ler o resumo e sua resenha, então, nossa!

    Já entrou na minha lista de PROCURADOS!

    hahahaha..

    Bjks!

    ResponderExcluir

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM