26/12/2012

# Danny Wallace # Leituras de Rebecca

Danny Wallace - Charlotte Street - Um Romance Engraçado e Irreverente - Novo Conceito

Leituras de Rebecca nº 31
Título original: Charlotte Street
Sinopse

Tudo começa com uma garota... (porque sim, sempre há uma garota...) Jason Priestley acabou de vê-la. Eles partilharam de um momento incrível e rápido de profunda possibilidade, em algum lugar da Charlotte Street. E então, em um piscar de olhos, ela partiu deixando-o, acidentalmente, segurando sua câmera descartável, com o filme de fotos completo... E agora Jason — ex-prodessor, ex-namorado, escritor e herói relutante — se depara com um dilema. Deveria tentar seguir A Garota? E se ela for A garota? Mas aquilo significaria utilizar suas únicas pistas, que estão ainda intocáveis em seu poder... É engraçado como as coisas algumas situações se desenrolam...


Charlotte Street foi uma surpresa fofa cheia de humor britânico. É um romance levinho e gostoso de ler. Uma história sobre a dor de cotovelo que foi se curando com o tempo, as aventuras e os amigos.
A história se passa em Londres, onde conhecemos Jason Priestley, não é o cara de Barrados no Baile, professor de 32 anos de idade que foi ao socorro de uma moça carregada de pacotes. Ele ficou tão bobo com a beleza da moça que perdeu a chance do que poderia ter sido um começo de algo novo.
Foi super divertido ler sobre como Jason e seu melhor amigo Dev tentam resolver o mistério da moça através de suas fotos perdidas. 
Achei o Dev meio enjoado no começo, mas depois que ele sacudiu a poeira e embarcou na aventura pra ajudar o amigo, se tornou o personagem mais engraçado. Ele foi o anjo da guarda de Jason e  estava lá quando foi preciso. Sem falar de Londres, adorei o passeio, eu me senti como se estivesse lá junto com Jason e Dev investigando na cidade.
Eu gostei de ver a mudança de Jason, do cara deprimido no início do livro para o homem que está disposto a assumir o comando de sua vida e fazer as coisas acontecerem no final. Eu recomendo este livro para quem curte os cavalheiros britânicos e seu humor fofo e elegante, é uma história com personagens fortes e um final perfeito.

2 comentários:

  1. "Jason Priestley, não é o cara de Barrados no Baile" Pensei o mesmo qdo comecei a ler kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Nossa eu odiei esse livro :(

    Achei a estória muito fraca , é ao contrário de você achei os personagens mais fracos ainda fiquei muito triste de não ter gostado mais fazer o que né . Beijos !

    euvivolendo.blogspot.com ( comenta lá D: )

    ResponderExcluir

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM