[FECHAR]

25/09/2013

# Devir # Grendel

Grendel - Matt Wagner - Devir




 
Leituras de Rebecca nº64

Tão mortal quanto misterioso, o assassino mascarado conhecido apenas como Grendel seduziu o mundo dos quadrinhos pela primeira vez no início da década de 1980. Inspirado pelo vilão de Beowulf, Matt Wagner criou seu personagem Grendel com a intenção de examinar a natureza da agressão e como isso pode subjugar o indivíduo e a sociedade em geral.



Adoro histórias que saem do comum, que saem daquele normalzinho habitual de todo dia, essa foi a sensação que tive quando bati os olhos nessa obra. Primeira coisa que pensei foi "será um Homem Aranha Noir?", ainda bem que não!

Fiquei super curiosa pra saber como cada artista lidou com o tema em cada parte da história e tudo foi criado lindamente em preto, branco e vermelho. Mais noir impossível. Como designer e apaixonada por ilustração isso foi um deleite. Para quem não curte mudanças bruscas de traço, isso pode ser um pouco cansativo. Mas pra mim foi interessante ver como cada artista desenvolveu sua parte na obra. Matt Wagner escreve bem e gostei do rumo da trama, mas não é um quadrinho pra qualquer pessoa, acho que não agradaria a todos.

"Preto, Branco & Vermelho" é uma série de histórias curtas que aprofundam os personagens da HQ anterior apresentando o mundo obscuro do crime, a vingança, a psique humana e um senso de justiça que não tem qualquer relação com a lei. Só depois que li foi que descobri que havia uma obra anterior, isso me deixou curiosa. Descobri também que ele ganhou um Eisner de melhor Antologia e Melhor História Curta em 1999 em "O Advogado do Diabo". Tenho que ler!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM