18/01/2016

# Jennifer Weiner # Leituras de Tânia

Jennifer Weiner - Boa noite, estranho - Novo Conceito



Leituras de Tânia nº 19


Para Kate Klein, que, meio por acaso, se tornou mãe de três filhos, o subúrbio trouxe algumas surpresas desagradáveis. Seu marido, antes carinhoso e apaixonado, agora raramente está em casa. As supermães do play-ground insistem em esnobá-la. Os dias se passam entre caronas solidárias e intermináveis jogos de montar. À noite, os melhores orgasmos são do tipo faça você mesma.

Quando uma das mães do bairro é assassinada, Kate chega à conclusão de que esse mistério é uma das coisas mais interessantes que já aconteceram em Upchurch, Connecticut, nos últimos tempos. Embora o delegado tenha advertido que a investigação criminal é trabalho para profissionais, Kate se lança em uma apuração paralela dos fatos das 8h45 às 11h30 às segundas, quartas e sextas, enquanto as crianças estão na creche.

À medida que Kate mergulha mais e mais fundo no passado da vítima, ela descobre os segredos e mentiras por trás das cercas brancas de Upchurch e começa a repensar as escolhas e compromissos de toda mulher moderna ao oscilar entre obrigações e independência, cidades pequenas e metrópoles, ser mãe e não ser.

Desiludida por um casamento platônico, Kate acaba se casando e indo morar em uma cidade pacata do interior, às voltas com as mães da cidade, falando sobre filhos e comida. Nada parecido com o tempo em que morava em Nova York, jornalista, que em companhia de Janie, sua melhor amiga, fazia de cada noite uma aventura.  

Porém agora, esposa dedicada e mãe (não tão) zelosa, vê seus três filhos sugarem todas as suas forças.  Quando se torna testemunha de um crime,tem seu senso jornalístico aguçado e se envolve tanto na história que acaba por desvendar seu mistério. Como sua vida é sempre rotineira, toda essa agitação a faz pensar e refletir se essa mudança lhe faz realmente melhor.

Ótimo livro!

Um comentário:

  1. Bom dia!
    Parece ser bem interessante
    Diferente do q tenho lido ultimamente
    Gostei, vou tentar ler!

    Bjoooooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM