30/11/2016

0

Loretta Chase - O Príncipe dos Canalhas - Arqueiro


Leituras de Tânia nº 49

Sebastian Ballister é o grande e perigoso marquês de Dain, conhecido como lorde Belzebu: um homem com quem nenhuma dama respeitável deseja qualquer tipo de compromisso. Rejeitado pelo pai e humilhado pelos colegas de escola, ele nunca fez sucesso com as mulheres. E, a bem da verdade, está determinado a continuar desfrutando de sua vida depravada e pecadora, livre dos olhares traiçoeiros da conservadora sociedade parisiense. Até que um dia ele conhece Jessica Trent... 

Acostumado à repulsa das pessoas, Dain fica confuso ao deparar com aquela mulher tão independente e segura de si. Recém-chegada a Paris, sua única intenção é resgatar o irmão Bertie da má influência do arrogante lorde Belzebu. 

Liberal para sua época, Jessica não se deixa abater por escândalos e pelos tabus impostos pela sociedade – muito menos pela ameaça do diabo em pessoa. O que nenhum dos dois poderia imaginar é que esse encontro seria capaz de despertar em Dain sentimentos há muito esquecidos. Tampouco que a inteligência e a virilidade dele pudessem desviar Jessica de seu caminho. 

Agora, com ambas as reputações na boca dos fofoqueiros e nas mãos dos apostadores, os dois começam um jogo de gato e rato recheado de intrigas, equívocos, armadilhas, paixões e desejos ardentes.

Quando Jessica encontra Dain , no primeiro encontro, ela já se descobre irresistivelmente atraída por ele. e o que é ainda não sabe, é correspondida. Ele, um degenerado esnobe, que esconde sua dependência emocional atrás de uma vida desregrada e baseada em necessidades de poder. Consegue finalmente casar-se com ela , depois de receber um tiro vindo daquelas mãos frágeis e delicadas. 

Na verdade, no casamento ela resolve declarar sua atração, seus sentimentos por ele e finalmente o convence a viver a dois, de forma pacífica mas nem um pouco restrita ao padrões sociais. Suas noites e encontros são bastante envolventes. Quando ela descobre que ele tem um filho bastardo, entende que aquela armadura fria na verdade esconde os mesmos sentimentos daquele garotinho abandonado pela mãe. 

O amor, na verdade, resolve tudo e eles formam uma família de verdade, baseada na confiança e no respeito às individualidades, além da admiração que um sente pelo outro.

Recomendo!

0 comentários:

Postar um comentário