[FECHAR]

24/03/2010

# Georgina Devon # Grandes Romances Históricos

Georgina Devon – O rapto – Grandes Romances Históricos 21




Leituras de Carol nº 373
Título original: The rogues sedution

Ao regressar de um baile, a carruagem de Lilith é assaltada por um bandoleiro. Na verdade, trata-se de Lorde Perth, o noivo que ela abandonou no altar há 10 anos. Na época, ele não possuía fortuna e a família dela encontrava-se à beira da ruína. Para salvá-los da miséria, Lilith abriu mão do grande amor da sua vida e desposou o abominável Lorde de Lisle. Agora, ela é viúva e Perth, movido pela vingança, a seqüestra com o objetivo de seduzi-la.

Da pretensa trilogia, pois a única ligação que este livro e o “Falsas aparências” têm com “O amor de uma dama” é a época e um ou outro personagem, mas no geral os dois primeiros estão interligados já que Perth aparece no livro da Mary e do Andrew e o casal, já casado, tem muitas participações.

Dos três o que gostei mais foi desse, creio que pelo fato dos personagens já terem tido algo antes e agora, 10 anos depois, se reencontrarem de forma mais efetiva. Os dois sentem de forma muito intensa. 

Como sempre o mocinho é o supra sumo da cabeça dura, em vários momentos quis dar uma surra nele, afinal ele se encontrava numa sociedade onde o casamento por conveniência era a regra e que as mulheres dificilmente escolhiam com quem se casavam. Mesmo a família não merecendo tal sacrifício da Lily ele poderia ter compreendido o lado dela, mas não agiu assim. Mas apesar de tudo isso eu gostei dele. Idem da Lily, a cena dela quando finalmente fica de cara com a verdade sobre o irmão é ótima.

No geral é uma trilogia razoável, como disse antes só o último livro vale a pena mesmo ser lido, mas para quem gosta da época da Regência é um prato cheio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM