05/01/2016

# HOT # Leituras de Tânia

Sylvia Day - Incontrolável - Universo dos Livros


Leituras de Tânia nº 16

Em Incontrolável, Isabel, a conhecida Lady Pelham não poderia ter encontrado um marido melhor. Gerard Faulkner, o Marquês de Grayson é um amigo querido e encantador, além de um sedutor incorrigível. A união deles é sólida, mas seus corações estão longe um do outro. Eles são o casal mais escandaloso de Londres. Lady Pelham e o Marquês de Grayson combinam em tudo – no apetite luxuriante, nos constantes casos amorosos, na inteligência aguçada, na reputação provocante e em sua absoluta recusa a arruinar seu casamento de fachada, ao acender a paixão que até então não existia. Isabel sabe que um libertino charmoso como o marido nunca conquistará seu amor, e nem ela poderia roubar o coração galanteador dele. O casamento é uma grande farsa... até que um acontecimento chocante afasta Gerard de seu lado.

Agora, quatro anos mais tarde, Gerard retorna para Isabel. Mas o jovial malandro de antes voltou como um homem poderoso e irresistível, que está determinado a seduzi-la e a ganhar seu coração. Este não é o mesmo homem com quem ela se casou, mas pode ser o homem que finalmente conquistará seu corpo e sua alma...

Viúva, Lady Pelham acaba por encontrar no - até então amigo, Gerard Faulkner - o marido ideal. Além desse casamento arranjado ser uma estratégia para manter todos os seus admiradores à distância, ela também teria um amante jovem que prometia-lhe grandes momentos. Ele também vinha de uma grande tragédia amorosa, já que seu grande amor morreu ao dar a luz ao seu filho (que só ele sabia ser dele!) O que eles não imaginavam é que o amor entre eles surgiria tão logo eles estivessem juntos.

Apresentando ainda o desejo de ser mãe, Lady Pelham se ressente da situação, achando que ele não iria querer participar desse desejo. Mesmo com a mãe de Gerard sendo contra, acaba por entender e aceitar que o amor entre eles é verdadeiro.

Aparências não são mais necessárias quando o amor entre eles transpassa a necessidade física, passa a ser incontrolável. Recomendo!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

POR ONDE AS ROMÂNTICAS PASSARAM